Teddy Bear - English for kids and teens - Inglês especializado para crianças e adolescentes

VOLTAR

DEZEMBRO / 2016 Porque é tão importante contextualizar?


Daniela Silva, em entrevista para a Teddy News, explica como a metodologia Teddy Bear utiliza a contextualização para fixar o conhecimento. Daniela é graduada em Língua e Literatura Inglesa pela UFSC e é Coordenadora de Desenvolvimento da Rede Teddy Bear. Tem mais de 20 anos de experiência trabalhando na área ELT como professora, coordenadora pedagógica e pesquisadora. Ela faz parte da equipe Teddy Bear desde 2002.


Daniela, o que significa contextualizar?
Basicamente, contextualizar significa inserir ou integrar o objeto de estudo em um contexto de utilização real e prática. Quando trabalhamos um conteúdo linguístico em aula, este conteúdo estará inserido no tempo e espaço ao invés de ser tratado como algo isolado enquanto tópico gramatical ou vocabulário. Faz mais sentido para o aluno aprender a palavra “bola” - e fixar este conhecimento - se ele estiver segurando uma bola durante uma atividade pedagógica no backyard (pátio da escola) e inserindo este vocábulo em uma expressão que objetive a comunicação com um propósito real. A contextualização e o uso de objetos ou materiais que estão presentes em nosso dia a dia aceleram a aquisição do conhecimento por trazerem para o plano concreto conceitos ou vocabulários que, sem esta abordagem, ficariam abstratos demais para a compreensão e aquisição plena.

Em que momentos a contextualização é usada em aula? Pode nos dar um exemplo?
A metodologia Teddy Bear trabalha com elementos que tornam o inglês uma ferramenta real de comunicação e não apenas uma teoria. Os alunos vão aprender sobre alimentos e nutrição dentro de uma cozinha especialmente estruturada para ser um ambiente de aula. Eles vão aprender sobre ecologia, natureza e sustentabilidade colocando a mão na terra, plantando sementes e observando as plantas se desenvolverem, além de obterem e analisarem, durante a colheita, o resultado final de todo o processo. Na Teddy Bear, os alunos também são expostos a interações reais com outros alunos, educadores e/ou coordenadores, nas quais aprenderão, na prática, a comunicação natural e real em inglês, utilizando o que foi aprendido com o objetivo final de exposição de ideias e integração social, o que torna a experiência de falar um idioma estrangeiro algo conectado a uma experiência real e com significado real, conforme as necessidades e interesses de cada faixa etária.

Afinal, por que é tão importante contextualizar o que se está ensinando?
Para que o aprendizado seja crescente e permanentemente adquirido pelo cérebro, é importante que a informação aprendida esteja inserida em um determinado episódio ou conectada à atividades de utilização da mesma. Consideramos essencial contextualizar as aulas e tornar tangível o conteúdo por meio de ambientes especiais, recursos multimídia, utensílios e atividades familiares à rotina dos alunos, de acordo com suas respectivas idades.

Para nós, a escola é uma célula holográfica em que todos os ambientes e momentos — a partir da hora em que os alunos chegam à Teddy Bear — devem reproduzir uma oportunidade de uso e/ou aprimoramento da língua inglesa. Um local onde todos os espaços e atividades fornecem uma experiência e uma vivência que propiciam o aprendizado do idioma.

A sensação de realização dos alunos ao alcançarem o objetivo de expor suas ideias, fazer perguntas e adquirir conhecimento oralmente ou por meio da comunicação escrita usando a língua inglesa é algo palpável e muito gratificante. Os alunos sentem-se confiantes e preparados para usar o inglês na vida real, e este é o nosso objetivo maior.